Mariana: uma vez lembrada, jamais esquecida

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Há mais ou menos uns três meses eu estava, como boa mineira, procurando ofertas de viagens nesses sites de compras coletivas. Digo “como boa mineira”, pois mineiro sabe economizar e gastar bem o seu dinheiro! Bem, acabou que não comprei nada, mas uma coisa fez com que eu não esquecesse esse dia de buscas de viagens. Não sei se por pane no site, ou por pura subestimação dos clientes, todas as viagens para cidades históricas mineiras tinham como ilustração a mesma foto. Qual? Uma desse ponto turístico aí de cima. Contudo, por incrível que pareça, nenhum pacote de viagem era para a cidade da foto. Eu sei, diante desse tipo de coisa a gente tira um print da tela na hora, mas há três meses eu não estava pensando em fazer este blog, então nem tirei. De qualquer forma, podem acreditar. E também podem se indignar, se quiserem!

Mariana, uma das cidades mineiras mais tradicionais e com talvez a praça mais bela de todas, é, inúmeras vezes, esquecida pelas agencias de turismo, pelos turistas e até por alguns moradores próximos. Mas eu morei nessa cidade por 4 anos e digo com total propriedade que ela merece pelo menos um dia e uma noite de “turistada”! Eu sei, não existe a palavra “turistada”, mas eu confesso que gosto de uns neologismos de vez em quando. A propósito, esses dias eu estava “marianando por lá”. E como hoje me bateu aquela saudade, resolvi escrever um poquim sobre essa cidade tão acolhedora.

Mariana foi a primeira vila, cidade e capital do estado de Minas Gerais, mas essas questões históricas até o Wikipédia trás, então não me prolongo nesse aspecto. Para sentir Mariana um pouquinho recomendo algumas coisas. Quem chegar à cidade pelo Trem da Vale de manhã, vá ao Vagão dos Sentidos na estação de Mariana e assista ao vídeo “Barroco”. Acho que este vídeo é uma boa introdução à arquitetura da cidade. Claro, se tiver um tempinho, assista a algum outro vídeo aí também, pois esse vagão realmente mexe com os sentidos! Bem, se estiver com crianças, vale a pena ficar um tempinho a mais na praça-lúdico musical da Estação. Tem uma musiquinha aí, que (não sei como) todas as criancinhas sabem tocar e insistem em tocá-la repedidas vezes, então, você pode deixar seu filho ou irmão aflorar suas aptidões musicais aí também!

Passeio Trem da Vale

Passeio Trem da Vale

Praça Lúdico-musical da Estação de Mariana

Praça Lúdico-musical da Estação de Mariana

Pedindo informação a qualquer pessoa, você conseguirá sair da estação e ir ao centro histórico caminhando. Recomendo uma visita à Catedral da Sé primeiro. Vendo essa igreja só por fora você nem imagina a beleza interna dela! A cada missa que eu ia nessa igreja eu reparava algo novo, que eu nunca tinha percebido antes. Um anjinho diferente, um santo que nem tinha me dado conta que estava ali, enfim… parada obrigatória! Aaah, sem contar que a catedral abriga um órgão construído na primeira década do século XVIII na Alemanha! Quem gostar, pode assistir o concerto que ocorre às sextas e domingos! Mais informações: http://www.orgaodase.com.br/ .

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Sé!

Bem, gente, saindo da Catedral, caso você não queira comprar alguma lembrancinha na Rua Direita, o trajeto que recomendo é ir à praça Gomes Freire, popularmente conhecida como “jardim”. Esse é o point da cidade no domingo! Os nativos e não nativos se encontram aí para tomar um sorvete, uma cerveja, ou jogar conversa fora! Uma curiosidade é que há muitos e muitos anos atrás “moça direita” não podia andar pela praça a noite desacompanhada, pois era mal vista! hehe

praça 1

Praça 2

Saindo da praça do Coreto, acho que vale a pena conhecer a primeira instituição de ensino de Minas Gerais: O seminário da Boa Morte. Hoje já não é mais um seminário, e sim um campus da Universidade Federal de Ouro Preto, mas lá você pode ver umas fotografias antigas incríveis de seminaristas jogando futebol com batina e tudo, por exemplo. Além disso, é de lá que se vê, na minha opinião, uma das vistas mais lindas da cidade! Vale a visita e vale a foto!

ICHS1

Minha amiga Rê, e uma das melhores vistas da cidade!

Aqui preciso de uma pausa para dizer que aí passei meus melhores momentos acadêmicos! Até o badalar do sino a cada 15 min me traz boas lembranças desse local. Bom, dito isso, acho que você pode estar se perguntando quando é que eu vou recomendar ir à praça Minas Gerais (essa aí da primeira foto), tão cobiçada pelos sites de vendas coletivas hehe. Deixei ela por último porque é preciso muita perna pra subir até lá! hahahha Sério, quem não é acostumado a subir ladeira pode deixá-la pro final do recorrido! Saindo do Seminário, é só seguir pela mesma rua “toda a vida” e quando não tiver mais aonde subir vire a direita que em alguns passos já estará na praça. Chegando lá, além dessa maravilhosa vista das igrejas São Francisco e Nossa Senhora do Carmo, abertas à visitação, você também verá a atual Câmara Municipal de Mariana, que antigamente era o presídio da cidade (presídio de escravos, vale ressaltar). 

câmara

Agora, para encerrar o dia, suba até a Basílica de São Pedro dos Clérigos, pois é lá que você encontrará a outra melhor vista da cidade, além, é claro, de conhecer outra igreja belíssima!!!

Missa de formatura com vovó e mamãe!

Missa de formatura com vovó e mamãe!

Uma das melhores vistas com tio Abel e Maria

E acho que é isso! É óbvio que Mariana tem muito mais coisa! Se você puder ficar mais de um dia vá também ao Museu Arquidiocesano de Arte Sacra e ao museu da Música, por exemplo! Eu sou meio suspeita para opinar sobre aonde ir nessa cidade. Acho que eu poderia fazer esse mesmo trajeto que lhes indico e perceber coisas novas a cada vez. É que cidade histórica tem dessas coisas… Um dia é uma faixada que te chama atenção, outro dia é uma senhorinha na janela, outro dia uma cruz, ou mesmo uma luminária… Bem, já deu pra perceber que Mariana é inesquecível para mim, né? Mas ela pode ser para você também! A irmã de Ouro Preto tem muito a oferecer! Se você lembrar que ela existe, pode ter certeza que dela nunca mais vai esquecer!

Anúncios

Um comentário sobre “Mariana: uma vez lembrada, jamais esquecida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s